Teoria 3 – Níveis de Consciência

Teoria 3 – Níveis de Consciência

Níveis de Consciência

Uma consciência que tem uma perfeita integração entre seus dois aspectos: Eu Médio (Consciente) e Eu Básico com seu Subconsciente, além de um reforço de Ego com personalidade forte e “presença”, pode ter um bom Nível de Consciência, relativo ao Mundo Material, ou, a todos os níveis em que a matéria se estrutura como gases, vapores, líquidos, sólidos cristalinos, e matéria de estrutura mais complexa como matéria vegetal e matéria animal, onde as moléculas além de complexas são estruturadas por um grande número de átomos. Por exemplo, a albumina do ovo com 36.000 átomos (digestão mais fácil), e a proteína do músculo cardíaco com 100.000.000 de átomos (digestão difícil e demorada).

Uma Consciência pode ter Consciência de todas as frequências vibratórias percebidas naturalmente pelos órgãos dos sentidos, sons, cores, sensações tácteis, e as percebidas através da aparelhagem eletrônica nesta era moderna. Uma Consciência de Nível Avançado pode ter a percepção de frequências vibratórias, que estão além da faixa de frequências percebidas pelos órgãos dos sentidos e da aparelhagem física.

Assim sendo os níveis de Consciência entre diferentes pessoas, quando se considera a Terceira Dimensão, diferem, pois diferem as estruturas e os circuitos neurais dos cérebros para percepção, e difere a quantidade a qualidade dos dados e das informações adquiridas, bem como a capacidade de memória, a capacidade de associação de idéias e de pensamentos de modo lógico e razoável, e diferem na percepção da diferença que há entre o que seja provável, do que seja pouco provável e mesmo do que seja improvável. Neste último caso se enquadram 75% da Humanidade, e é um prato feito para os políticos desonestos.

Quando há perfeita integração do Eu Médio e do Eu Básico, de modo natural, ou, devido a exercícios mentais adequados, é possível que o Eu Médio ultrapasse as barreiras psicológicas do Subconsciente, e então o Eu Médio se encontre com o Terceiro aspecto da Consciência que é denominado Eu Superior, também conhecido na antiguidade como “Espírito Paternal”, ou, simplesmente o Pai. O Senhor Jesus o denominou “o Pai que em mim opera as obras”.

Quando há essa integração dos três aspectos da Consciência, existe a possibilidade de o Eu Médio tomar Consciência da possibilidade de, por enfoque Mental adequado, mobilizar uma forma de energia que era mistério até a poucos anos atrás, mas que hoje é conhecida como Energia Quântica, ou, uma forma de Energia que se comporta como uma pré-matéria, e pode ser mobilizada com Intenção, e de forma Inteligente pela Vontade Humana. Os efeitos dessa mobilização de Energia eram conhecidos como Magia na antiguidade, e na Era do Senhor Jesus foram conhecidos como Milagres.

Portanto Magia, ou, Milagres ocorrem quando há percepção da possibilidade de ação em um segundo, ou, terceiro nível de Consciência, quando a Trindade formada pela Integração dos três aspectos da Consciência, pode agir de modo Consciente, mobilizando Energia de uma Dimensão de frequências Vibratórias, acima das da Terceira Dimensão.

Esses processos podem ser entendidos como Evolução dos Níveis de Consciência, e sabemos que já era conhecido na antiguidade, pois encontramos no Salmo 82 verso 6, onde está escrito: “EU disse, sois deuses, e vós outros são todo filhos do Altíssimo”. No verso 7 a limitação evidente: “mas como homens morrereis”, final do orgulho e da soberba intelectual e “espiritual”.

Pode haver um momento, depois da Integração total dos três aspectos da Consciência, em que há percepção da possibilidade de a Consciência se sintonizar, através de enfoques mentais adequados, com outras Consciências existentes em locais próximos, e mesmo em locais distantes, com definições de imagem como uma foto que ocorrem no cérebro, ou, de imagens em movimento como em um filme, dando Consciência de ocorrências que se passem nesses locais. Podemos assim distinguir vidências de clarividências, com os diferentes níveis de detalhes a respeito de localizações e situações de objetos e pessoas, como um Terceiro nível de Consciência, relativo à outra Dimensão de Frequências Vibratórias.

Há pessoas que funcionam em um Quarto Nível de Consciência, quando são capazes de perceber um problema e projetar a solução necessária. Há pessoas que, além disso, se mantém em contato direto com a Energia conhecido como Espírito Santo de Deus e manifestam uma clarividência invejável. São os amigos de Deus, desde a antiguidade, há mais do que 11.000 anos, conhecidos e denominados de Kanaloa.

Há pessoas que têm a integração de modo natural e outras que podem adquirir a integração dos três aspectos da Consciência através de exercícios em tempo relativamente menor, ou maior, dependendo da estrutura do cérebro e da idade cronológica, bem como do tipo de crenças limitantes arraigadas.

No Egito, Inhotep (2.800 a. C.), também denominado Hermes Trimegisto pelos Gregos, construiu uma pirâmide em Saquara, que pela disposição do material, com uma pirâmide para fora do nível do solo e outra para dentro, unidas pela base, criava um Campo Magnético dentro da mesma, que tinha por finalidade facilitar o desenvolvimento da Consciência do modo descrito acima.

Curiosamente, nessa mesma época em Salém, território próximo de Nazaré, em 2.700 a. C., havia um Mago de nome Melquizedeque, que deixou discípulos, os quais fundaram a Ordem de Melquizedeque. Podemos ler no Livro de Hebreus, na Bíblia Canônica, em sua tradução aceita e feita pelo padre João Ferreira de Almeida, nos capítulos 5, e 7, referências ao Senhor Jesus, como Sumo Sacerdote da “Ordem de Melquizedeque”.

Ora como no Novo Testamento não há nenhuma referência à vida do Senhor Jesus entre os 12 anos de os 30 anos de idade, acredito que podemos supor que ele frequentou essa Ordem, até que se tornou o Sumo Sacerdote da mesma, e onde aprendeu todas as habilidades psíquicas demonstradas e relatadas nos Evangelhos pelos Discípulos. A respeito de Melquizedeque leiam Gênesis, Capítulo 14, versos 18, 19, 20. Onde fica claro que era um Homem de Poder Psíquico, a ponto de impressionar Abrão, nômade, useiro em abocanhar tribos menores, a respeita-lo e ainda pagar o pedágio, antes de seguir para Sodoma, onde ofereceu Sarah, sua linda mulher, ao Rei. Este, desconfiado, a devolveu à Abrão. Deveria ter um bom olfato para perceber a doença que a acometia, e já havia contaminado o Faraó anteriormente. Vide Gênesis.

Quanto à condição humana do Senhor Jesus leia em João, Capítulo 14, verso 12, onde está escrito: “Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim (nas minhas instruções, nas minhas palavras), também fará as obras que eu faço e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai”.

Jesus ensinou uma doutrina em reservado aos discípulos e alguns deles também fizeram milagres. A você cabe escolher entre o que é lógico e razoável e o mistério imposto pela Igreja como Sistema Organizado de forma arbitrária, onde os mistérios sustentam a autoridade de uma hierarquia que vive de doações sugeridas, à moda do Judaísmo, justamente o que Jesus combateu, e por essa razão foi morto.

Se os discípulos escreveram alguma coisa a respeito dos ensinamentos de como desenvolver habilidades psíquicas, e se isso existe por escrito, não foi divulgado na Vulgata Latina. Como os Evangélicos usam cópias da Vulgata, também não dispõem das doutrinas dadas em reservado.

Uma pessoa curiosa se tem inteligência para isso, ao invés de se prender às crenças impostas, investiga, e acaba encontrado um elo entre os Kahunas da Polinésia e do Havaí e Melquizedeque. Aí é investigar a Magia Havaiana e encontrar na Metodologia Cientifica Ocidental, os meios de como chegar mais rápido aos resultados esperados, e mantidos como mistério pela Igreja. Toda verdade é relativa a algum interesse, seja do religioso político, ou, seja do pesquisador que quer se esclarecer.

Alberto Barbosa Pinto Dias, Bacharel em História Natural (todas as Disciplinas Biológicas e Geológicas), Licenciado, Especialista em Fisiologia (Bioenergética e Órgãos dos Sentidos) USP, 1955.
Qualquer questionamento sempre será bem recebido e respondido.

Postado em : Consciência, desenvolvimento mental e circuitos neurológicos