02º – HUNA COMO FUNCIONA UMA CONSCIÊNCIA

02º – HUNA COMO FUNCIONA UMA CONSCIÊNCIA

02º – Huna – Como Funciona Uma Consciência

Uma Consciência só funciona bem quando integrada, Consciente com Subconsciente, com armazenagem de dados e informações, bem como, de ideias e pensamentos nas diferentes Zonas Gnósicas de cada Área Cerebral, dedicada a um dos Cinco Sentidos. Ao conjunto Consciente mais Subconsciente damos o nome de Ego.

A perfeita integração se faz de início, de forma voluntária, quando há intenção da Consciência de obter novos dados e informações através da Concentração com Atenção.

Em seguida, quando na reflexão, o Consciente reflete os dados e informações novos, ordenando-os no Subconsciente para comparar com os dados e informações já existentes anteriormente, faz conotação de ideias e pensamentos novos com os anteriores, ajustando o entendimento e a compreensão e estabelecendo os rumos da percepção atualizada e ajustada à nova Conscientização.

Uma vez feitos os ajustes de modo Consciente e Lúcido, a Consciência analisa, e então, tem condições de fazer questionamentos. Os não resolvidos ficam no Subconsciente, e a Mente Subconsciente pode trabalhar independentemente, quando o Consciente se aquieta em relaxamento e mente vazia, ou, de modo inconsciente no sono profundo.

Nas duas modalidades há um rearranjo de ideias que pode aflorar no Consciente como um clarão de introspecção, ou, na forma de um sonho lúcido e coerente, que traz uma resposta entendida como intuição heurística, sem excluir a possibilidade de a informação vir de outro cérebro que contenha a resposta.

A introspecção mais profunda, com ultrapassagem das barreiras psicológicas do subconsciente para se fazer integração do Ego com o Eu Superior, ou, Superconsciente, pode ser realizada pela repetição continuada de um ou mais pensamentos, como uma prece entre cristãos, ou, mantras no hinduísmo e na Yoga. A repetição continuada de qualquer um dos modelos leva a um automatismo.

O automatismo, seja mental ou físico, leva o cérebro a ter uma diminuição de pulsações eletroquímicas e ao aumento do potencial de energia de 250 até 2.500 microvolts por neurônio, e, só não queima a “fiação”, porque a intensidade de corrente é mínima, mas o potencial é suficiente para converter Energia Vital (Manah, Ki, Ki Ai, Mana, Tao, Ergônica, Orgônica, etc.) em Energia Quântica.

Entre cristãos, para se fazer a introspecção, há a recomendação do Senhor Jesus de “vivei em oração”, e ainda recomenda, “se nada mais souberdes antes orai:- Pai Nosso que estais nos céus (o reino dos céus está dentro de vós), Santificado seja o vosso nome (sempre o maior respeito à Divindade), vem a nós o vosso reino (vem a nós o vosso poder), e seja feita a vossa vontade assim na Terra como no reino dos céus (o que é Intenção no reino dos céus, dentro da cabeça, que aconteça aqui na Terra, que se materialize)”. A repetição continuada leva a um Automatismo com uma eficiente programação Mental.

Os automatismos para indução de Estados Alterados de Consciência mais leves, podem ser obtidos por movimentos físicos repetitivos como em uma simples corrida a pé, danças, pedaladas em bicicletas, triciclos, pedalinhos, cânticos repetitivos como cantochão, ou corinhos.  Seus processadores não estão livres de catarses.

A Energia Quântica obtida nos estados alterados de Consciência mais profundos pode ser direcionada para obter resultados de acordo com a Intenção da Consciência.

Salmo 82: verso 6:- “Eu disse: Vós sois deuses, e vós outros sois todos filhos do Altíssimo”.

O Conceito de deuses (pequenos deuses enquanto vivos), diz respeito à capacidade que alguns têm de, por enfoque mental adequado, mover energia quântica, e proceder a efeitos subjetivos, e efeitos objetivos sobre a matéria. Os naturalmente dotados são 3% em qualquer cultura.

 A essa capacidade damos o rótulo de Habilidades Psíquicas. Nada impediu de os antigos denominarem magia, e de os cristãos denominarem milagres aos grandes feitos do senhor Jesus.

Aos demais, como sendo todos filhos do Altíssimo, nada impede que tentem aprender a fazer enfoques mentais adequados, a não ser as crenças limitantes impostas por terceiros.

Crença é toda ideia e ou pensamento recebido e tomado como verdade. Ideias e pensamentos implantados antes dos sete anos, e reforçados periodicamente através da vida útil, funcionam como trilhos que impedem a pessoa de pensar livremente.

A única maneira inteligente, para quem é inteligente, de mudar a maneira de pensar, é fazer experiências e analisar os próprios resultados.

Alberto Barbosa Pinto Dias, Bacharel em História Natural (todas as Disciplinas Biológicas e Geológicas), Licenciado, Especialista. USP, 1955.

[vc_row full_width="" parallax="" parallax_image=""][vc_column width="1/1"][vc_facebook type="standard"][/vc_column][/vc_row]

Sugestão: Assista o vídeo – Cura energética – Gregg Braden

Postado em : Huna - Como funciona a consciência

Deixe sua mensagem

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

.